26 de outubro de 2017

homesick

Hoje fazem exatamente 128 dias que eu estou longe de casa. Quatro meses e seis dias. E exatamente hoje, faltam cinco dias para a volta ao lar.


Engraçado como a gente "muda" de lar pra lar durante a vida, né? Até mais ou menos essa época, ano passado, meu lar ainda era na casa dos meus pais.
Faz pouco menos de um ano que eu e meu namorado moramos juntos. Mesmo assim, demorei meses até conseguir considerar nosso apê como lar.  Não curto muito mudanças, como vocês podem notar.

Quando troquei o emprego pelo home office com o boy, eu sabia que a maior dificuldade seria passar esses quatro meses longe de casa, dos meus pais e dos meus amigos, em uma cidade em que não conheço quase ninguém, em que tudo é longe e, claro, dividindo a casa.


Foi difícil, sim. Muito, por sinal. É sempre um desafio ter que se adaptar a uma rotina totalmente diferente do usual. Mas foi um aprendizado, e nem posso me aguentar de tão feliz que estou, sabendo que logo logo, estarei em meu lar de novo.

Home is where your heart is. Sim, mas ter a nossa casinha aconchegante esperando por nós, não tem preço. ♥


19 de outubro de 2017

série: mindhunter

Sinopse: Baseado no livro best-seller do NYT, que relata os anos que John Douglas passou perseguindo serial killers e estupradores, desenvolvendo seus perfis para prever seus próximos passos. A série discutirá alguns de seus casos mais publicizados, como o homem que caçava prostitutas no Alaska, o assassino de crianças de Atlanta e o matador de Green River. (via Adoro Cinema)

Mindhunter, que estreou no último dia 13, é uma das novidades da Netflix nessa fall season. Produzida por David Fincher, a série conta a jornada dos agentes Ford (Jonathan Groff , Glee), Bill Tench (Holt McCallany, Clube da Luta) e a dra Wendy (Anna Torv, Fringe) no ramo da psicologia criminal.

A série se passa em 1977, onde nem o termo serial killer existia e o FBI estava apenas começando a pensar em ciência comportamental. Os agentes atravessam o país entrevistando os mais perigosos assassinos, tentando entender sua maneira de pensar e agir pra ajudar a resolver casos em andamento.


O roteiro e a fotografia são excelentes, e é interessantíssimo acompanhar como tudo começou: os padrões, as classificações dos crimes e até o tão conhecido termo 'serial killer'. Os diálogos são incríveis, e as melhores partes da série com certeza são as entrevistas com os assassinos (menção honrosa ao ator maravilhoso e MUITO parecido com o real Ed Kemper) e como esses encontros afetam a vida dos dois agentes. 
A série tem temática policial, mas é muito mais que isso: é um mergulho nos pensamentos e sentimentos mais profundos e cruéis dos psicopatas.

Eu, como boa apaixonada por séries policiais, amei. Mindhunter já está disponível no catálogo da Netflix, e a primeira temporada tem somente dez episódios, sendo uma ótima dica pra quem quer começar uma série nova nesse fim de semana!


Já assistiram? Para mais dicas de séries, veja aqui todos os posts da tag! :)


15 de outubro de 2017

indicação de canal: isa ribeiro

Confesso que faz pouco tempo que comecei a me ligar mais em canais do youtube. Sempre fui muito mais blog, texto e foto, e nunca tive muita paciência pra ver vídeos.

Faz um tempo que acompanho o blog da Isa, o Na Nossa Vida, (inclusive já indiquei ele num post de links por aqui) e sempre achei maravilhoso o jeito como ela leva a vida. Cada post e foto é um calor no coração. E os vídeos não são diferentes. E graças a ela que entrei nesse mundo de canais do youtube.

Os vlogs são maravilhosos, cada vídeo que a gente vê, parece que estamos conversando com uma amiga de anos enquanto a gente toma um café quentinho. A Isa transmite uma paz e calma incríveis, que nos incentiva sempre a ser o melhor que podemos ser.

link do canal

Já conheciam? :)


7 de outubro de 2017

7 on 7 outubro

Mesmo não participando de nenhum grupo desse desafio fotográfico, faço all by myself pois sinto falta de mais fotos por aqui. Taí minhas favoritas do mês que passou.
Aliás, vocês já me seguem no instagram? VEM!








Nesse mês de setembro teve um pouquinho de tudo.Teve passeios, leituras, maratonas de netflix, alegrias, saudades de casa. Nossa, como eu tenho saudades de casa. Nunca passei tanto tempo longe e tô começando a sentir falta de coisas que até então eu nem tinha reparado.
Final desse mês tô voltando por RS e só falta eu pendurar um calendário na parede, pois sim, tô contando os dias!

Como foi o mês de vocês? Vejam os outros posts da categoria 7 on 7 ♥


1 de outubro de 2017

conheça: catfish and the bottlemen

Taí uma banda que eu conheci graças aos dias jogando FIFA com o boy (uma dentre muitas outras maravilhosas) e foi amor a primeira vista! ♥


Catfish and the Bottlemen é uma banda de rock galesa que se formou em Llandudno no País de Gales.
Van McCann nasceu em Cheshire na Inglaterra e passou um tempo viajando na Austrália com seus pais antes de se mudar para Llandudno no País de Gales. Em 2007, ele começou uma banda com o guitarrista Billy Bibby, o irmão mais velho de seu melhor amigo e baixista Benji Blakeway. A banda começou a tocar covers de músicas dos Beatles antes de compor suas próprias músicas na casa da família de McCann. Eles se promoveram apresentando-se em estacionamentos antes dos shows de outros artistas, como o Kasabian. A banda assinou contrato com a Communion Records em 2013 e lançaram seus três primeiros singles "Homesick", "Rango" e "Pacifier" naquele ano. Em 2014 a banda assinou contrato com a Island Records e em 17 de Março lançou seu próximo single "Kathleen" produzido por Jim Abbiss (Arctic Monkeys, Kasabian, Adele). Todos os singles foram premiados como "Hottest record in the world" pela Zane Lowe e foram playlist da Radio 1. "Kathleen" ficou no número 1 em MTV's hottest tracks em abril de 2014. No verão de 2014, Catfish and the Bottlemen se apresentaram em mais de 30 festivais, incluindo Reading & Leeds, Latitude, Kendal Calling, T in the Park, Ibiza Rocks, e Governors Ball. A banda deriva seu nome da primeira memória de infância musical de McCann: A de um artista de rua em Sydney na Austrália, tocando garrafas de cerveja amarrados a um fio que foi (e ainda continua) pelo nome de Catfish the Bottleman.




Em 19 de Junho de 2014, a banda anunciou o lançamento de seu álbum de estréia, ''The Balcony'', que foi lançado em 12 de setembro de 2014. Pouco tempo depois a banda também anunciou uma turnê pelo Reino Unido. O álbum alcançou o número 10 no UK Albums Chart em setembro de 2014. Eles ganharam o BBC Introducing Award nos primeiros BBC Music Awards, em dezembro de 2014. Também performaram"Kathleen".

''The Balcony'' foi lançado nos EUA em 6 de Janeiro de 2015. No dia seguinte, eles se apresentaram no Late Show with David Letterman. Em 9 de janeiro de 2015, ''The Balcony'' foi premiado com uma certificação de ouro da Indústria Fonográfica Britânica.


"The Ride", o segundo àlbum da banda, foi lançado em 27 de maio de 2016, pelo selo da Capitol Records.

Pra conhecer:



Para mais posts na categoria música, clique aqui. :)


Copyright © 2015 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo